Coleta de Residuos Hospitalar

Coleta de residuos hospitalar: Saiba qual a importância desse serviço

Procurando por coleta de residuos hospitalar? Então continue a leitura e conheça mais sobre esse serviço e sua importância para a sociedade.

Como muitos sabem, os lixos hospitalares são altamente perigosos e contagiosos, pois são provenientes de locais como hospitais, clínicas, laboratórios, pronto atendimento, entre outros. E por ser altamente perigoso à saúde humana, é essencial que estes locais realizem o descarte de maneira correta e cautelosa.

Por isso, é de suma importância contar com a ajuda de empresas especializadas no e profissionais capacitados para coletar, transportar e descartar em locais seguros, onde nenhum ser humano ou animal possa ter contato com esses agentes contaminantes.

O que é lixo hospitalar?

De maneira mais detalhada, podemos dizer que os lixos hospitalares são resíduos descartados por hospitais, clínicas, laboratórios e demais locais que usam materiais que possam oferecer alto teor de contaminação para o ser humano, animais e para o meio ambiente.

E é responsabilidade desses locais cuidar do descarte correto do lixo que é produzido diariamente, sejam eles sólidos, semi-sólidos ou líquidos.

Alguns desses resíduos hospitalares são enviados diretamente para aterros sanitários que não permitem a entrada de pessoas. Já outros tipos de lixos devem passar por um tratamento anterior, além daqueles que só podem ser descartados em locais liberados por um órgão ambiental.

Como é feita a coleta do lixo hospitalar?

Para coletar os lixos hospitalares de maneira correta, é preciso ter muita atenção, além de demandar bastante conhecimento e prudência de todas as pessoas envolvidas, que vão desde os profissionais dos hospitais, até os que serão responsáveis pela coleta e transporte final.

Para iniciar a coleta, é preciso saber que o processo é realizado por etapas, e a primeira delas é feita diretamente no local onde é gerido os resíduos.

Nessa primeira etapa, é realizada a identificação dos lixos hospitalares, onde estes são divididos em grupos, de acordo com sua composição:

  • Grupo A: resíduos biológicos;
  • Grupo B: resíduos químicos;
  • Grupo C: rejeitos radioativos;
  • Grupo D: resíduos comuns;
  • Grupo E: resíduos perfurocortantes.

Após a separação em grupos, os resíduos passam por um processo conhecido como “acondicionamento”, onde são embalados e identificados de acordo com suas características.

O passo seguinte é feito pela empresa, onde a mesma fará a coleta e o transporte desses resíduos já ensacados para um local de armazenamento temporário. Esse procedimento tem como objetivo viabilizar a realização da coleta após descarte do lixo hospitalar, dinamizando o processo.

Chegando nas unidades de tratamento, alguns resíduos hospitalares passam por uma série de tratamentos que tem como objetivo a eliminação dos riscos de contaminação presentes neles.

Caso o resíduo não seja "tratável", ele será descartado em um local seguro e longe do contato humano.

Precisando de uma empresa para a coleta de residuos hospitalar?

Então conheça o quanto antes a Recol Ambiental, uma empresa que traz soluções inteligentes visando pleitear e suprir as necessidades do mercado.

A Recol atua no mercado há anos e tem como principal objetivo ser referência em tratamento de resíduos na região, colaborando com o meio ambiente e gerando sustentabilidade com responsabilidade.

Para que isso seja possível, a empresa conta com a ajuda dos melhores profissionais, capazes de oferecer soluções únicas e responsáveis.

Portanto, não perca mais tempo. Entre em contato agora mesmo e solicite um orçamento!

.