Lixo Comum e Infectante

Lixo comum e infectante: Saiba mais sobre esses dois tipos de resíduos

Você sabe qual a diferença entre lixo comum e infectante? Se não sabe, é preciso que entenda mais sobre ambos, pois são resíduos totalmente diferentes e cada um exige uma coleta, transporte e descarte únicos. Portanto, para saber mais informações sobre o assunto, acompanhe o conteúdo a seguir.

Quando falamos nos lixos comuns, podemos dizer que são todos aqueles resíduos vindos de residências ou empresas, podendo ser sobras de alimentos, embalagens, papéis, papelões, plásticos, vidros, entre outros objetos.

Esses lixos provenientes de residências ou empresas, devem ser reciclados, pois a maioria desses resíduos podem ser reutilizados. Dentre eles estão: garrafas Pet, copos, papéis, sacos, sacolas, tampas, frascos de produtos, tubos de pvc, embalagens de produtos de limpeza e muito mais.

Cabe ao morador ou algum funcionário da empresa realizar a coleta de forma correta para que esses resíduos sejam reciclados.

Agora, em relação ao lixo infectante, podemos dizer que são resíduos descartados por hospitais, clínicas, laboratórios e demais locais que usam materiais que oferecem alto teor de contaminação para o ser humano, animais e para o meio ambiente.

E é responsabilidade desses locais cuidar do descarte correto do lixo que é produzido diariamente, sejam eles sólidos, semi-sólidos ou líquidos.

Qual a diferença entre lixo infectante e comum?

Ao comparar as duas categorias, já conseguimos notar pelo próprio nome que existe uma diferença entre ambos.

Mas de forma geral, podemos dizer que o lixo infectante é sempre aquele que provém de locais que utilizam ou manipulam resíduos infectantes, perigosos, radioativos, entre outros.

Para que o resíduo seja classificado como infeccioso ou potencialmente infeccioso, ele deve apresentar potencial de contaminação por agentes biológicos como: fungos, vírus, bactérias, parasitas, toxinas e linhagens celulares.

Já o lixo comum, é aquele que pode ser recolhido em qualquer local, como residências, comércios, empresas ou até mesmo de hospitais, entretanto, ele não deve apresentar nenhum risco à saúde pública.

Como fazer o descarte correto do lixo comum e infectante?

Como vimos até agora, há uma diferença muito grande entre lixo comum e infectante, e é importante ressaltar que, por serem diferentes, a coleta, o transporte e o descarte também devem ser feitos de maneira única.

Em relação ao descarte dos lixos comuns, eles devem ser colocados em sacos pretos normais e identificados com etiqueta de resíduo comum, assim os coletores saberão do que se trata.

Agora, quando o lixo comum se tratar de vidro quebrado ou algum outro material perfurante e não contaminado, ele precisa ser descartado em caixas de papelão, embrulhado em um jornal e embalado em um saco reforçado.

E assim como o outro lixo comum, ele deve apresentar também uma etiqueta para alertar os coletores que existem resíduos perigosos ali.

No que diz respeito ao descarte de resíduos infectantes, é obrigatório que eles sejam acondicionados em sacos plásticos brancos com logotipo do hospital, laboratório ou qualquer outro local e um símbolo para identificação dos elementos infectantes.

Além disso, as sacolas precisam conter 2/3 de sua capacidade total para evitar rasgos e derramamento de resíduos.

Quais as vantagens de contratar uma empresa para coleta de lixo?

Muitos pensam que a coleta e o descarte de lixos comuns e infectantes é tarefa fácil e qualquer pessoa pode fazer, mas se enganam.

O lixo proveniente de residências pode até ser coletado pela prefeitura da sua cidade, porém, os lixos infectantes provenientes de hospitais, laboratórios, entre outros locais merece atenção redobrada, e cabe aos profissionais desses locais contratar uma empresa para a retenção desses resíduos.

Portanto, antes de você contratar uma empresa para a coleta cautelosa desses resíduos, é importante que conheça sobre as vantagens que o serviço oferece.

Confira:

  • Economia;
  • Segurança;
  • Qualidade;
  • Otimização de tempo;
  • Sustentabilidade;
  • Gerenciamento correto dos resíduos;.
  • Entre outros.

Onde encontrar uma empresa para coleta de lixo comum e infectante?

Para realizar a coleta e o transporte adequado dos seus resíduos, você pode contar com a ajuda da Recol Ambiental, uma empresa que traz soluções inteligentes visando pleitear e suprir as necessidades do mercado.

A Recol atua no mercado há anos e tem como principal objetivo ser referência no tratamento de resíduos na região, colaborando com o meio ambiente e gerando sustentabilidade com responsabilidade.

Para que isso seja possível, a empresa conta com a ajuda dos melhores profissionais, capazes de oferecer soluções únicas e responsáveis.

Portanto, não perca mais tempo. Entre em contato agora mesmo e tire todas as suas dúvidas!

.